Blog

HomeBlogCooperativismo: tudo começou na Inglaterra em 1843

Cooperativismo: tudo começou na Inglaterra em 1843 Curiosidades

Cooperativismo: tudo começou na Inglaterra em 1843

Foi em 1843, no distrito de Rochdale, região de Manchester, na Inglaterra, que um grupo de 28 tecelões se uniu para criar a primeira cooperativa da história. Eles se organizaram mutuamente para enfrentar um cenário de baixos salários e pobreza, criando uma espécie de mercearia. No começo, essa cooperativa de consumo fornecia manteiga, açúcar, farinha de trigo e aveia para os primeiros associados.
Mas somente em 1895 foi fundada, em Londres, a Aliança Cooperativa Internacional, a fim de representar os interesses do movimento cooperativista em âmbito mundial.
No Brasil, a primeira cooperativa do modelo inglês de Rochdale, apareceu em 1889, quando foi fundada a Sociedade Cooperativa Econômica dos Funcionários Públicos de Ouro Preto, Minas Gerais.
Em 1932, foi promulgada a primeira lei cooperativa do Brasil, dispondo sobre a organização e o funcionamento das sociedades cooperativas. Em 1969, foi criada a Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB). E em 1971, a OCB foi reconhecida por lei como órgão de representação única do cooperativismo no País, definindo as relações entre cooperativas e cooperados.
As cooperativas dividem-se em diversos tipos: de trabalho, agropecuárias, de consumo, crédito, habitacionais, infraestrutura. Congregam consumidores de qualquer gênero, de forma a obter melhores preços, condições e qualidade de bens e serviços, comprando por atacado ou diretamente do produtor, para uso próprio ou revenda.
As cooperativas habitacionais são destinadas à construção, manutenção e administração de conjuntos habitacionais para seu quadro social.